Skip to content
19/11/2015 / Paulo Wainberg

Altruismo

Ouvi uma canção onde não havia som.

A canção, eu já sabia, não existia além de mim.

Ao meu redor a multidão silenciosa iluminava minha solidão e não havia luz.

Ouvi aplausos onde havia palmas.

Os aplausos, eu já sabia, não existiam além de mim.

Então tomei um refrigerante e parei de pensar em mim.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: