Skip to content
17/10/2015 / Paulo Wainberg

Fim do mundo

Pessoalmente não acredito que seja agora, mas os últimos acontecimentos indicam que o fim do mundo está próximo.

Conforme dezenas de filmes de terror que já assisti, há um debate secular sobre a precedência ou pós-cedência da chegada do anticristo.

Alguns afirmam que ele virá antes, como um anúncio histórico do apocalipse. Outros afirmam que ele virá depois, quando tudo tiver acabado e ele reinará, soberano, sobre o nada.

Uma terceira corrente, à qual me filio por dever intelectual, anticristo e apocalipse chegarão juntos, o primeiro a anunciar o segundo e sucumbindo no big bang final.

Tudo depende do melhor diretor, da atriz mais gostosa e dos efeitos especiais mais perfeitos. Além do conforto das cadeiras do cinemas onde passam os filmes.

Este pequeno introito anuncia o verdadeiro tema destas considerações, qual seja, mais um início do horário de verão que, como sói acontecer em todas as áreas do conhecimento, reflexão, fatos e factoides, divide opiniões: Contra, a favor e indiferença.

São indiferentes aquelas pessoas que habitam locais onde o fenômeno não ocorre e tanto se lhes dá se em outros lugares aumenta-se ou não uma hora, nos relógios.

São a favor aqueles adeptos dos dias mais longos para mais caminhadas, corridas, tempo para academia e sobretudo os que adoram acordar muito cedo, pulam da cama, abrem a janela e gritam Bom dia, dia! a plenos pulmões, depois vão cantando para o banheiro onde fazem suas barbaridades e saem de casa felizes como um grilo.

Finalmente, são contra os que só começam a beber quando o céu estiver escuro e, como se sabe, o horário de verão atrasa muito a chegada da escuridão, ou da noite propriamente dita, aumentando o nervosismo, a tensão e os dissabores da espera do primeiro gole.

Como decorrência de um simples raciocínio lógico, os indiferentes não assistem filmes de terror, os contra assistem e gostam e os a favor assistem e não gostam.

Para os indiferentes, tanto se lhes dá se o fim do mundo está próximo ou não. Para os a favor, o fim do mundo está muito longe, não coisa cogitável para o momento. E para os contra, o fim do mundo acaba de chegar.

E pensar que nada disto aconteceria se eu não tivesse acordado tão cedo…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: