Skip to content
06/03/2014 / Paulo Wainberg

E se

E se me vingo não olhando os olhos dela, apenas sua boca?

E se me alegro não tocando os seios dela, apenas suas mãos?

E se me desleixo todo de tanto não beijar suas faces?

E se banco o romântico apenas para parecer.

E se brinco com palavras apenas para o que der e vier.

E se faço de conta que sinto o que nunca senti.

E se calculo errado de propósito, só para confundir o cobrador?

E se dou gargalhada o dia inteiro só pra disfarçar a dor?

E se, de tão vazio, mas tão vazio, só me ocorre dormir?

E se acordar, cheio de tesão, sinto a vida murchar?

E se nunca mais e se?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: