Skip to content
28/10/2013 / Paulo Wainberg

Confissões

Eu confesso que não sou cem por cento uma boa pessoa. Muitas vezes, sou mau.

Eu confesso que a maioria dos meus amores não foram correspondidos, mas o que foram valeram a pena.

Eu confesso que o dinheiro nunca foi uma prioridade, e isto foi um erro.

Eu confesso que fui preguiçoso, desleixado e irresponsável, mas sempre me preocupei.

Eu confesso que quando estou escrevendo, sempre paro para jogar paciência Spider.

Eu confesso que todas as minhas paixões sempre foram proibidas.

Eu confesso que chupei bico até os oito anos, mas nunca suportei leite.

Eu confesso que tenho seis personalidades conhecidas e noventa incontroláveis,

Eu confesso que nunca confessei nada que fosse verdade.

One Comment

Deixe um Comentário
  1. Jahadi Leal Porto / Fev 2 2015 15:28

    Eu confesso que tudo que foi confessado não é segredo e sim poesia.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: