Skip to content
15/08/2013 / Paulo Wainberg

Suor

O suor do meu corpo sua como se fosse sua a minha pele. Sua minha testa como se fosse sua a minha ausência. Quando minha alma sua, minhas lágrimas de suor fazem sua a minha dor e quanto mais eu suo, mais sua é minha vida.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: