Saltar para o conteúdo
21/10/2012 / Paulo Wainberg

Banho-maria

Passei a noite preocupado em saber o significado exato do banho-maria e de onde surgiu a expressão.

Como sou homem, me perco mas não pergunto, atitude masculina que as mulheres jamais entendem ou entenderão.

Por isto, decidi resolver sozinho as dúvidas, e foi o que fiz.

A expressão original surgiu durante o Império Romano, em particular nas Termas de Gravatal, cuja filial contemporânea fica em, como o nome diz, Gravatal, em Santa Catarina, também conhecida como o litoral norte gaúcho.

Os romanos entravam na água para tomar banho-com-maria, nome feminino que eles utilizavam para referir mulheres porque, como se sabe, o nome das mulheres romanas era complicado, com muitas consoantes e difícil de guardar na memória.

O diálogo era comum, entre os homens de Roma, plebeus, nobres, senadores e soldados:

– Quo vadis, today?

– Vou às termas tomar banho-com-maria.

– E que tal?

– Uma deusa, melhor que Vênus.

Como sabemos, as Termas eram assim chamadas porque suas águas eram termas, isto é, mornas, agradáveis, gostosas. Nem quentes demais nem frias demais, uma temperatura perfeita para que, na hora agá, não murchasse o placebo masculino, consumando-se o banho-com-maria à la carte e comme il faut.

Com o passar dos anos e sob a influência das línguas bárbaras, especialmente o galês, o celta e o islândico, produziu-se o fenômeno gramatical bastante conhecido, quando falamos em evolução da língua, nada mais nada menos do que a hipócrita, consistente em retirar o com do banho-com-maria, reduzindo-se o lance da sacanagem submersa a banho-maria.

As mães romanas, na sua grande maioria previamente aproveitadas em banhos-maria, perceberam que, se pusessem um jarro de barro com leite dentro da fogueira – isto antes da invenção do fogão à lenha – por poucos segundos que fosse, perderiam o jarro de barro que derretia, e o leite apagava algumas brasas.

Num exercício de reflexão, acharam uma saída brilhante, de evitar o contato do jarro de barro com o fogo.

A primeira romana a dar-se conta tirou o escudo de metal do marido do cabide, encheu com água, colocou o jarro de barro com o leite dentro da água e o conjunto inteiro na fogueira, aquecendo assim o leitinho das crianças apenas o suficiente para ficar morno.

Satisfeita com o resultado e recordando suas folias de juventude, nas termas, comentou com a sogra que havia aquecido o leite em banho-maria.

A sogra, que depois de velha virara moralista, escandalizou-se e só faltou chamar a nora de prostituta, até que entendeu o conceito que, assim, se perpetuou.

Após muitas mãos queimadas para retirar o metal do fogo, finalmente a Civilização inventou as luvas que, séculos após, passaram a ser usadas também pelos pilotos da Fórmula Um.

Com a queda do Império Romano e a imediata criação de um Spa na Bélgica, as termas passaram a ser utilizadas para fins curativos embora não haja registro histórico de que água morna tenha curado alguém de alguma doença.

Satisfeito com minha descoberta, sem perguntar nada a ninguém, finalmente consegui dormir tranquilo.

Mas tranquilo, não acordei. Mal abri os olhos e me deu uma vontade de retornar às origens!

Não me sai da cabeça a vontade de tomar um banho-com-maria.

 

2 comentários

Deixe um Comentário
  1. Lucia Helena / Out 26 2012 21:46

    Legal !

    Gostar

  2. Ligia Soares Skrebsky / Fev 22 2013 14:21

    Minha mãe usava muito o banho-maria, e os doces ficavam uma delícia e tomar banho também, é saudável, acredito sim, cura doenças, principalmente a doença da sujeira. Estilo curioso e gostoso de ler. Me dei um banho-maria nos meus neurônios.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: