Saltar para o conteúdo
30/09/2012 / Paulo Wainberg

Jornal de Domingo

Recebo o jornal de domingo, no caso a Zero Hora, no final da tarde de sábado. Por uma questão de princípio, que cultivo desde os tempos medievais, como se trata de jornal de domingo, deixo para ler domingo de manhã, mesmo sabendo que a edição foi feita e encerrada ontem.

É claro que a maior parte das notícias eu já sabia e as novas notícias só saberei amanhã, quando chegar a edição de segunda-feira.

Tudo bem, mania é mania e não se discute, mas acho um desaforo pessoal ler o jornal de domingo no sábado à tarde.

O jornal de domingo vem com um suplemento chamado Donna, onde leio três coisas obrigatórias: As crônicas de Luiz Fernando Veríssimo (com a charge da Família Brasil) e de Martha Medeiros, além é óbvio, do horóscopo que, mesmo não sendo supersticioso, não boto o pé na rua sem ler. Ultimamente, tenho lido também as crônicas da Claudia Tajes, diretas de Nova York, que antes não lia porque não tinha.

Hoje, vai ver estou mais calmo, resolvi prestar atenção em outras coisas que o suplemento Donna publica.

Descobri, por exemplo, que hoje é dia do sutiã universal HOPE e que, se eu comprar um estarei doando um real para a prevenção do câncer de mama e, o que é mais importante, ganharei, de graça, uma calcinha Touch.

Vidrei! Ainda estou me contendo para não sair correndo de casa e comprar o tal sutiã, não por ele em si, mas pelo possibilidade de ganhar, DE GRAÇA, uma calcinha Touch.

Como será uma calcinha Touch? Terei eu, alguma vez na vida, retirado suavemente uma calcinha Touch do corpo de uma mulher? Touch, que em inglês significa Toque (eu acho), sugere que, ao vestir a calcinha, sentir-me-ei tocado ou que para tirá-la de uma mulher, ela é quem se sentirá tocada?

A jovem que ilustra o anúncio, linda morena com o seio direito coberto pelo sutiã, imagino que HOPE, não faz parte do pacote, o que me ajudou a arrefecer meu impulso.

Enfim, terei uma semana inteira pela frente para esclarecer minhas dúvidas.

Tem também a coluna de Celia Ribeiro, ensinando como devo fazer para comer escargôts usando pinça e garfinhos próprios. Trés Chic.

Tudo sobre os vestidos usados por uma atriz de cinema, e como fazer para andar de bicicleta bem vestido.

Outra sessão fundamental da edição de domingo é a revista de TV, onde são revelados todos os fatos que ocorrerão nos próximos episódios das novelas, com tantos detalhes que, assistir propriamente as novelas torna-se quase desnecessário.

Folheio os duzentos mil classificados e só me detenho nos anúncios de massagistas, garotas gostosas, que fazem tudo e adoram beijar, por apenas cinquenta reais.

Concluo a leitura do jornal e venho aqui escrever esta crônica, mas a tal calcinha Touch, sinceramente, me marcou. E muito.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: